28.2.17

Uma noite inteira passa, num instante,
Embalada pelo som de nossas vozes.

O dia de surpresa nasce:
Somos o sol um do outro,
O porto onde nossos corações descansam,
As mãos dadas nos risos ou nas lágrimas,
Apoio, colo, morada.

Bocas além dos beijos,
Línguas além de anseios,
Somos o encontro do verbo -
O mais perfeito encaixe.

Rebeca dos Anjos

Imagem: Google Arts & Culture

24.2.17

Do florescer ao fruto XIII

Agora tem todo esse amor
Que não cabe em mim

Escrevo poesias sem fim
Ao rimar teu nome
Ao te dar meu sobrenome
Ao cantar e rir

Agora toda esta energia
Dentro de mim

Te amo em vísceras
Me expando em muitas
E sinto o coração que acelera
Natural e organicamente:

As batidas deixaram de ser uma resposta ao externo,
Deixaram de ser resultado de brasas
São hoje caminhos de águas
Vivas, fluídas, leves e mágicas.


Rebeca dos Anjos

Fonte: Google Arts & Culture

5.2.17

O poeta de longe
Garante a poesia mais perto:
A solidão do verso
É o inverso
Da desilusão.

Tantas camadas,
Fico com as superficiais
O poeta por dentro
É confuso demais!

Não quero conhecer a alma do poeta
Basta-me a poesia
De alma incompleta,
Basta a minha.

(Rebeca dos Anjos)

20.1.17

Quando tudo está confuso,
Sorriso no rosto e coração apertado,
Escrevo.

Quando tudo é o horário,
E passam desapercebidos os cantos dos pássaros,
Escrevo.

Quando tudo é temporário,
Instável e louco
São as letras o meu porto

E se a permanência me assombra
Com sua constância e marasmo
São as letras o meu acaso

São elas,
Meus pontos de equilíbrio,
Exclamações ou não.

São elas,
A parte de mim que desconheço,
Por vezes uma ponte,
Conexão com o que não vejo,
O meu fim e o meu começo,
Corpo, alma,mistério e oração.

(Rebeca dos Anjos)

5.1.17

Coleciono saudades profundas
E descubro saudades futuras
Pela estrada da vida

"Todo amor é uma saudade anunciada" -
Eu mesma escrevi antes.

(...)

Impressiona que o medo da perda
Seja sempre menor do que o amar

Impressiona que a perda seja sempre ressignificada
Ganhando em outra palavra
Várias poesias

Não rimo perdas,
Mas rimo saudades
Com as gotas de lágrimas
Que só existem nos olhos de quem relembra alegrias


Rebeca dos Anjos

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...