23.8.06

Ao meu pai.

Levantei como de costume: pelo lado esquerdo da cama. Me dirigi ao calendário adaptável e marquei o "23 de agosto". Logo acima do calendário, duas fotos. A primeira conta um dia na cachoeira, dia que não lembro, mas me sinto em seus braços. Na segunda, há uns dois anos, me vejo maior e você mais cheinho e com menos cabelo.

Comecei meu dia com você.

Rezei bastante e chorei de saudade. Abracei e beijei seu rosto e te olho agora enquanto escrevo.

Continuarei pensando durante todo o dia, enviando por energia todo o meu amor e desejo que você viva muito, muito, pra que possa receber de perto o meu carinho.

Te amo. Pra sempre.

4 comentários:

O empírico disse...

Feliz aniversário pro seu pai!!!

Seu Pai disse...

Querida filha, foi lindo o que escreveu!!!!! Me fez chorar ... QUE BOM!!! Os dias estão passando rápidos e se Deus permitir estarei mais perto de vocês em breve e poderemos nos curtir.
Não existe amor maior que o amor por um filho (a), então saiba que amarei vocês eternamente.
Obrigado pelo mais valioso presente que recebi, beijos de seu pai João Luiz.

Seu Pai disse...

Querida filha, foi lindo o que escreveu!!!!! Me fez chorar ... QUE BOM!!! Os dias estão passando rápidos e se Deus permitir estarei mais perto de vocês em breve e poderemos nos curtir.
Não existe amor maior que o amor por um filho (a), então saiba que amarei vocês eternamente.
Obrigado pelo mais valioso presente que recebi, beijos de seu pai João Luiz.

Seria eu disse...

Vivas!!!
Bjuss

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...