17.11.11

No lugar que chamam sonho


O bicho peludo fofo marrom brotou dos tacos que ele fazia ferver (aqueles tacos da casa de Antes).


- Se eu pegar no colo ele me queima?

A verdade é que nem pensei nisso. Pensei se poderia ter lepra o bicho. Mesmo assim, peguei no colo pra ninguém matar ou tacar janela abaixo o bichinho que agora eu amava.

Ele não me queimou, não me mordeu ou contaminou, mas fez o bastante: por ter atingido o meu coração, tranquei o bicho em lugar chamado Não Saber.

5 comentários:

Raphael Grizotte disse...

Pobre bichinho criado de sonhos ele não deixe ele ser um pesadelo não trate mau seus Feios ou démonios !Hei muito legal essa imagem parece um biscoito com dente de balas olhos de chocolate ...eu em devo esta com fome?!

Sookie disse...

E onde está a beleza, senão atrás dos olhos, por dentro? Num lugar onde os próprios olhos não podem ver, só sentir.

Linda é vc, queridona!!!

Beijos grandes e cheios de carinho!

Lu Rosário disse...

Ai, eu tive uma imagem contrária em relação aos olhos do bichinho. Nada a ver com chocolate nem doçura.

Lembrei-me de um urso verde que habitava o meu quarto e que todas as noites, antes de dormir, eu o colocava no quarto de meus pais e olhava em todos os lugares para ver se mão tinha mais nada.

Não lhe dei espaço, ele ficava longe de mim.. e eu não sabia o que era tê-lo. Pensava, sim, que ele ia me machucar.. mas não me pergunte como..rs

Ana Rita Profirio disse...

Nosso coração, conhece em silêncio os segredos dos dias e das noites.

Beijos!! Lindo final de semana!!

Rebeca dos Anjos disse...

Rapha, agora estou vendo M&M's nos olhos do bichinho, rs!

Su, S2!

Lu, que coisa esta sua experiência: reflete meu sonho =)

Ana, obrigada =)

Beijinhos procês!

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...