25.12.11

Reflexões de final de ano - sobre construir muros ao invés de pontes

Passeando por aí, observo: quantos muros imaginários são criados todos os dias?

Isto é um muro ou uma ponte?
As pessoas desejam um amor profundo, mas não aprofundam conversas.
Desejam um mundo mais simpático, mas não dizem "bom dia" nos elevadores.
Desejam a beleza, mas falta amor-próprio.
Desejam o sucesso, mas não se dedicam.
Desejam milagres, mas não fortalecem a fé.

Há um elo mágico entre o dar e receber, minha gente.

Se não há troca, há muro.
Se há troca, há ponte.

Passeando por aqui, observo: quantos muros imaginários são criados todos os dias?


Rebeca dos Anjos

5 comentários:

Rosi Alves... disse...

O pior muro que podemos construir é da falta de humildade
É um laço forte com a ponte de quem não sabe dar perdão...Se existem esses dois o resto vem!
O sorriso
Amor próprio
A fé!

Beijos passando para desejar um Feliz Natal a ti e família que o aniversariante esteja com todos os teus no decorrer do ano vindouro.

Erica Silva disse...

Olá,

Criei um blog dia 24/12 e passeando pela blogosfera deparei-me com teus escritos decidi ficar por aqui. Sigo-te
Estás convidada a visitar-me.

beijos
erica

Elisa Cunha disse...

E se prendem entre muros em vez de correr livres por pontes...

Você constrói seus textos com tanta sabedoria!

Sookie disse...

Simplesmente foda. Babei, admirei.
Que 2012 tenha muitas belas pontes para nós e para todos, gata! Beijos grandes!

Raphael Grizotte disse...

SIM!Entendi...

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...