24.5.12

Felinicidade II



Minha asa é juba
Que voa quando bate o vento
Liberdade que ostento
Sem precisar sair do lugar

Rebeca dos Anjos

2 comentários:

Elisa Cunha disse...

É o tipo de liberdade que todos querem, mas nem sempre podem experimentar!

beijos

Lu Rosário disse...

Lembrei-me de quando a gente vai em lugares lindos e de natureza exuberante..em que é impossível não abrir os braços para sentir aquilo tudo.

Beijos!
Adorei..!

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...