20.1.07

Lá dentro.

É corajosa mesmo essa escolha por viver. Viver porta afora, viver o que se tem dentro (lá dentro) as coisas que assustariam quem não lesse a mensagem de entrada.

Covarde é aquele que não passa da porta porque tem murinho. Que não entra só pra não incomodar. Que tem medo de colocar a chave na fechadura. Que não tenta por medo de errar. Que engasga, mas não dá tossidinha.

Feliz é aquele que entra, incomoda, abre, tenta (até conseguir), tosse, ri e continua.

Teimosa sou eu, que quero desse jeito. Que quero peito aberto com pernas trêmulas, que quero mão gelada com voz firme. Que quero brigar com força de dentro.

(Lá dentro).

4 comentários:

O empírico disse...

Por isso que quando chego faço bagunça!!!!

Bagunço e bagunço...

E o pior??? Quando vc olha pra minha bagunça vê que tá tudo arrumadinho como nunca foi antes!!!!

Nossa, que menino bão esse...

ludmilesca disse...

Cara!
Esse escrito é pura força!
E você sabia que é o que mais aparece na sua personalidade pra mim?
A força.

Você sacode a poeira mesmo!

Lu Rosário disse...

Ta lindo Beca.

Feliz é aquele que não tem preocupação e não vive de mesquinharias.

Beijos!

Luiz Libório Alves disse...

Com isso já dá pra dominar o universo. (((((((((((:

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...