28.11.11

Ao lado do dentro

Eu não sinto certas saudades. Esta coisa de ter saudade da boneca, da escola, da faculdade, do que foi, do que fui, do primeiro tudo. Saudade de momentos, sabe? Tenho não.
Mas sim, tenho saudade de algumas vidas: pessoas, bichos e plantas.
É que o que é vivo existe sem a gente, né? Se passa, fica só a saudade.
Mas os momentos, eles são eu. Por que eu teria saudade de mim?

4 comentários:

Raphael Grizotte disse...

Saudades de fora e de dentro saudade exite não pode ter moradia!Muitos bom momento que terão de criar saudade ...Agora eu posso tirar minhas plantas do vaso isso não vai deixar saudade agora que ha raiz encontra o chão!Lindo testo ...Eu tenho muitas saudades de ti sim, minha tutora da alegra de viver!

Rebeca dos Anjos disse...

Ah, Rapha, obrigada! :))

Elisa Cunha disse...

Bem pensado. A saudade que podemos sentir de um certo passado é a falta dos seres que faziam parte de um mesmo.
Gostei do que você escreve.

Rebeca dos Anjos disse...

Obrigada, Elisa! :)

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...