14.2.12

Letra Guia

É que, às vezes, a minha arte se empolga e salta do papel.
Letras são feitas de discretos pulinhos - eu sempre digo -
Enquanto ela diz que agora quer e vai voar.



Se papel é precipício ou avião?
Se quer pouso na água ou na terra?
Se quer o voo ou a queda?

Ah, disso eu não sei.
A arte sabe mais que eu.

E eu
Confio
Nela.




Rebeca dos Anjos

3 comentários:

Fabio Rocha disse...

Voamor!

Lu Rosário disse...

Que lindo, Rebeca!
E que as letras voem e encontrem pousada nos mais diversos recantos.

Beijos.

Elisa Cunha disse...

A arte preenche qualquer papel em branco. Como? Não faço a mínima ideia. E até papéis em branco são arte...

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...