13.3.14

Somos as marcas
De um tempo que passa
De um corpo que para com o tempo

Por isso escrevo

Para que as marcas sejam letras
Para que não seja tarde
Para que o tempo seja sempre,
Seja frio, seja quente

Seja arte.


Rebeca dos Anjos

Um comentário:

Marco Rocca disse...

Demasiadamente belo!!!

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...